Sescoop/RJ passa a contar com equipes de orientação para futuros empreendedores

Assessoria de Imprensa Foto: Pixabay
Foto sobre "Sescoop/RJ passa a contar com equipes de orientação para futuros empreendedores"

O Sescoop/RJ reformulou seu serviço de orientação aos interessados em ingressar no cooperativismo. Com o avanço do desemprego, depois do início da pandemia, em 2021 aumentou em 15% o número de cooperados em comparação ao ano anterior, segundo estimativas do Sescoop/RJ. A entidade passa a contar a partir deste ano com equipes para atendimento virtual a interessados em constituir cooperativas ou fazer parte daquelas já existentes.

 

Nas reuniões, uma equipe multidisciplinar do Sescoop/RJ explica o que são cooperativas e como funcionam; suas diferenças frente a outros modelos de negócio; o passo-a-passo para se tornar um cooperativista; análise da viabilidade do negócio; como dimensionar a expectativa de receita; os custos para montar o negócio; como buscar os recursos para viabilizar uma cooperativa, entre outros aspectos.

 

“Assim como outras empresas, uma cooperativa também tem fins econômicos. A diferença é que os resultados financeiros não são de um único ou de poucos donos. O excedente financeiro volta para os cooperados de forma justa e proporcional, de acordo com o que cada um produziu. Somado a isso, as cooperativas mantêm a renda nas comunidades onde estão instaladas, fazendo a economia local girar”, ressalta Vinicius Mesquita, presidente do Sistema OCB/RJ.

 

Em 2021, a 2ª edição do Censo do Cooperativismo do RJ, comparada à de 2020, apontou um aumento de 15% no número de cooperados, segundo Mesquita. “A nossa meta é continuar crescendo, trabalhando o estímulo ao empreendedorismo cooperativo, fazendo as pessoas entenderem que podem ser donas do próprio negócio”, destaca.

 

Expectativas para 2022

De acordo com Mesquita, hoje existem 419 cooperativas no estado do Rio de Janeiro, com base no Censo realizado em 2021. A soma do faturamento anual ultrapassa 11 bilhões de reais, aumento de mais de 10% em relação a 2020. São números que reforçam a importância desse modelo de negócios na economia do estado do Rio de Janeiro.

 

“Mais do que aumentar o número de cooperativas, queremos estimular o aumento no número de cooperados, o que fortalece as cooperativas já existentes. Se de 2020 a 2021 tivemos aumentos de 10% e 15% em relação a faturamento e cooperados, respectivamente, nossa meta para 2022 é superar esses percentuais”, afirma Mesquita.

 

Para ter acesso ao serviço de orientação, o potencial empreendedor deve se cadastrar no Fale Conosco do site.

 

Sobre o Sescoop/RJ

O Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Rio de Janeiro (Sescoop/RJ) tem a finalidade de promover a autogestão e difundir a cultura cooperativista. Criado em 1999, a entidade integra o Sistema S brasileiro e o Sistema OCB/RJ. A entidade acompanha de perto as cooperativas fluminenses, oferecendo soluções para a sustentabilidade do negócio, bem como formação profissional, promoção social e serviços aos cooperativados. Mais informações no site.

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.