Dia do Vinho fortalece a cultura de São Roque

Foto: Divulgação
Foto sobre "Dia do Vinho fortalece a cultura de São Roque"
Creditos da imagem: Os vinicultores, Alvi Sabbatini, Alex Sandro Santiago de Moraes, Cláudio Góes e o presidente da Rota do Vinho Tulio Pato falam sobre a importância do vinho para São Roque

Da Redação: Rafael Barbosa - Foto: Divulgação

As celebrações em comemoração ao Dia do Vinho se iniciam no dia 20 e seguem até o dia 05 de junho, onde diversos estabelecimentos de São Roque e principalmente os do Roteiro do Vinho preparam atividades e promoções para ajudar a movimentar uma cultura que continua a crescer no Brasil.

A data surgiu região sul do país, onde a cultura do vinho é muito difundida e está intimamente ligada a celebração da revolução italiana. Não é de se estranhar que a ideia também tenha ganhado força em São Roque, afinal foram os imigrantes italianos e portugueses que desde a fundação da cidade, iniciaram a produção de uvas e vinhos em São Roque, criando uma cultura que lhe deu o título de “Terra do Vinho”.

Um título que, segundo o Presidente da Rota do Vinho, Tulio Patto, faz parte da história de São Roque e que o município faz questão de manter, atraindo todos os anos milhares de pessoas, sobretudo nesta época. “É um evento importante e que movimenta o turismo na cidade, pois as pessoas que apreciam o vinho vem para procurar as últimas novidades no setor. Já aqueles que não tem intimidade com a bebida encontram um local onde podem conhecer uma cultura muito rica e que não se restringe apenas ao vinho, mas a outros produtos derivados, como o pão de vinho, por exemplo”, completa.

Durante estes dias comemorativos os estabelecimentos do Roteiro do Vinho realizam ações especiais e centradas na bebida, preparando cardápios utilizando o vinho, além de diversas promoções, para que os visitantes possam degustar a gastronomia local e conhecer e apreciar esta bebida tão especial. As atrações do roteiro podem ser conhecidas através do seu portal (www.roteirodovinho.com.br). 

Mas os benefícios do vinho vão muito além do paladar e diversos estudos mostram que o seu consumo, desde que feito com moderação, pode trazer diversos benefícios a saúde, como sua ação antiplaquetária, que contribui para a redução dos níveis de lipídios e colesterol, agentes responsáveis pela formação de placas que podem obstruir as artérias. Segundo Alvi Sabbatini, proprietário dos Vinhos Sabbatini, uma das vinícolas mais antigas da região é importante que divulgar os benefícios do vinho. “O vinho é saudável e deve ser apreciado por pessoas de todas as classes sociais. É importante que as pessoas entendam que o vinho não é como outras bebidas, como a cachaça, a vodca ou o conhaque. Ele é quase um alimento, que faz bem à saúde, que tem muitas nuances, além de aromas e sabores que devem ser apreciados”, comenta Sabattini.

A celebração da semana e do Dia do Vinho simboliza este desejo de que as pessoas possam conhecer e apreciar o vinho. A cultura de consumo da bebida foi muito apreciada no passado, principalmente com as imigrações italiana e portuguesa, que deu o início a produção da bebida no Brasil, mas ela acabou ficando esquecida por muito tempo até voltar ao paladar do brasileiro na década de 90 e, desde então, não parou mais. “O consumo e a apreciação do vinho vem crescendo. Ainda existem muitas pessoas que consomem o tipo de vinho popular, que é muito bom, mas também vemos um constante aumento na procura dos vinhos finos, com pessoas que já entendem um pouco mais ou estão interessadas em conhecer mais sobre a bebida e estão sempre procurando novidades no setor, o que é um grande incentivo para que nós, produtores, estejamos sempre antenados com as novas tecnologias e inovações do mercado”, afirmou o Diretor dos Vinhos XV de Novembro, Alex Sandro Santiago de Moraes.

E para se manter sempre atualizado e continuar a manter o título de Terra do Vinho, as vinícolas de São Roque estão sempre estudando novas possibilidades e, ao lado da gastronomia da região, trazendo cada vez mais apreciadores do vinho para a cidade. Segundo Claudio Góes, diretor da Vinícola Góes, foi realizado muito trabalho no passado para revitalizar a cultura do vinho e os resultados começam a ser colhidos agora, sempre com o investimento na qualidade do vinho são-roquense ao invés da quantidade, um objetivo que vem de encontro com os interesses do Turismo na região. “Em 2001, já iniciamos um processo distinto na produção da bebida e agora estes vinhos diferenciados estão chegando ao consumidor. Sabemos que ainda temos muito trabalho a ser feito, mas é inegável o crescimento da cultura do vinho e constatamos e agradecemos o reconhecimento do consumidor pelos nossos produtos, o que apenas nos motiva a continuar com nosso trabalho para que o vinhos de São Roque possam crescer ainda mais”, completa.

 

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.