Dia Mundial do Sono: Sete dicas para fazer crianças dormirem melhor

Confira como criar uma rotina saudável para a hora de dormir

Assessoria de Imprensa
Foto: Pixabay
Foto sobre "Dia Mundial do Sono: Sete dicas para fazer crianças dormirem melhor"

Na sexta-feira, 18 de março, é celebrado o Dia Mundial do Sono. A data acontece sempre antes da mudança de estação - começo da primavera no hemisfério norte e do outono no hemisfério sul - quando o dia e a noite terão exatas 12 horas cada. O objetivo é celebrar os benefícios de uma boa noite de sono e sua importância para a saúde, o que é especialmente importante para crianças e adolescentes.

Diversas pesquisas científicas já comprovaram que o sono é importante para o desenvolvimento e manutenção da saúde da mente e do corpo. Cientistas da Universidade de Tübingen, na Alemanha, comprovaram que dormir consolida o que foi aprendido durante o dia, transformando informações em conhecimento ativo.

Rotina é amiga do sono

Apesar dos muitos benefícios conhecidos - melhora o desempenho intelectual, a memória, a imunidade, controle de peso e da pressão arterial - os desafios para conseguir horas suficientes de sono também são muitos.

De acordo com a coordenadora de Educação Infantil do Colégio Marista Maringá, Eliana Claudia Graciliano, estabelecer uma rotina para dormir desde os primeiros anos de vida é algo que traz benefícios para toda a vida. “Estabelecer horários para desacelerar e criar rotinas de sono traz segurança para as crianças, pois sabem o que esperar durante o seu dia”, explica.

Confira algumas dicas para estabelecer a higiene do sono em casa:

1. Relaxar antes de dormir

Incentive seu filho a relaxar antes de dormir. No caso das crianças mais velhas, pode ser lendo um livro, ouvindo uma música suave ou praticando uma respiração. Para os menores, pode ser uma contação de história relaxante.

2. Estabeleça uma rotina

Uma rotina regular, começando os preparos para dormir na mesma hora todas as noites, incentiva bons hábitos de sono. Um horário para tomar banho, para jantar e ir para a cama ajuda pequenos a compreenderem o cotidiano e se adaptarem mais facilmente. Para as crianças mais velhas, é possível incluir uma conversa tranquila sobre o dia e, em seguida, algum tempo relaxando sozinhas antes de as luzes se apagarem.

3. Mantenha horários regulares para dormir e acordar

É importante que a rotina inclua também os horários de dormir e acordar. Isso ajuda a manter o relógio biológico de seu filho em um padrão regular, tornando o cotidiano mais fácil.

4. Certifique-se de que seu filho se sinta seguro à noite

Se seu filho tem medo de ir para a cama ou de ficar no escuro, você pode elogiar e recompensá-lo sempre que ele for corajoso. Evitar programas de TV, filmes e jogos de computador assustadores também pode ajudar. Algumas crianças com medo da hora de dormir sentem-se melhor com alguma luminosidade, como um abajur.

5. Verifique o ruído e a luz no quarto

Verifique se o quarto do seu filho é muito claro ou barulhento para dormir. A luz azul de televisores, telas de computador, telefones e tablets suprime os níveis de melatonina e retarda a sonolência. A luz forte uma hora antes de deitar pode ter o mesmo efeito em crianças pequenas.

6. Evite telas à noite

Até duas horas antes de ir pra cama, é importante evitar o uso de telas, seja televisão, celular ou tablet. É melhor investir em atividades mais calmas, como ler um livro, brincar de montar blocos ou conversar sobre o dia.

7. Receba bastante luz natural durante o dia

Incentive seu filho a obter o máximo de luz natural possível durante o dia, especialmente de manhã. Isso ajuda seu filho a se sentir acordado e alerta durante o dia e com sono antes de dormir.

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.