São Roque e região de Sorocaba regride para faixa mais restrita de flexibilização

Região de Sorocaba volta para faixa vermelha do Plano São Paulo e comércios voltam a fechar as portas

Fotos: Divulgação
Foto sobre "São Roque e região de Sorocaba regride para faixa mais restrita de flexibilização "

Nova atualização do Plano São Paulo colocou toda a região de Sorocaba, da qual fazem parte São Roque, Mairinque, Ibiúna, Alumínio e Araçariguama, novamente na faixa vermelha (fase 1) de flexibilização comercial. Com os dados o município são-roquense e toda a região sorocabana regrediram da fase laranja, onde apenas os serviços essenciais podem operar.

Além da região de Sorocaba, as áreas de Araçatuba, Rio Preto e Bauru também retornaram à fase vermelha. Marília, Ribeirão Preto, Presidente Prudente e Registro não avançaram e seguem, também, com autorização para o funcionamento apenas dos serviços essenciais.

Deste modo das regiões em que o Estado de São Paulo foi dividido, 09 se encontram agora na fase vermelha, 11 estão na faixa laranja e apenas três estão na faixa amarela. 

"No interior, como era era esperado, nós temos, sim, uma presença e um crescimento muito importante da epidemia que se traduz aqui tanto no número de casos, como de internações e de óbitos, e é por isso que está sendo feito um trabalho muito grande para o controle da pandemia e pra melhoria da capacidade hospitalar", disse a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen.

A quarentena no Estado de São Paulo foi prorrogada até o dia 14 de julho pelo Governo. 

Confira abaixo que comércios podem abrir em cada uma das fases do Plano são Paulo. 

,

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.

  • Lourdes

    O excelentíssimo prefeito de São Roque disse que não vai fechar nada, ele deve estar adorando ficar em casa enquanto funcionários, trabalha em shopping que o maior público vem de São Paulo (Outlet Catarina) pessoas comem nas áreas do shopping próximo a lojas, aglomeração, não uso de máscara em crianças, detalhe MUITAS crianças, fácil acesso ao shopping sem monitoramento, entre outros, caos, que Deus nos ajude.