Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) é a mais recente parceria da FACENS

A assinatura do protocolo de intenções foi feita nesta segunda-feira (11) por representantes do órgão militar e do centro universitário

Foto sobre "Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) é a mais recente parceria da FACENS"
Creditos da imagem: divulgação

O Centro Universitário Facens conta agora com mais uma importante parceria, com foco em pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica. Trata-se do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), qu e integr a a Força Aérea Brasileira (FAB).

O protocolo de intenções que firmou a parceria foi assinado em uma cerimônia realizada nesta semana, com a participação do vice-diretor Geral do DCTA Major Brigadeiro Potiguara e do reitor da Facens engenheiro Paulo Roberto Freitas de Carvalho.

O DCTA é uma organização militar e instituição científica e tecnológica do Comando da Aeronáutica à qual compete planejar, gerenciar, realizar e controlar atividades relacionadas às áreas de ciência, tecnologia e inovação, no âmbito da Força Aérea Brasileira. Estão sob o comando do DCTA organizações militares voltadas à pesquisa e ao ensino, além de dois centros de lançamento:
- ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica)
- IEAv (Instituto de Estudos Avançados)
- IAE (Instituto de Aeronáutica e Espaço)
- CLBI (Centro de Lançamento Barreira do Inferno)
- CLA (Centro de Lançamento de Alcântara)

 



A partir de agora a Facens terá tanto a oportunidade de contribuir para o desenvolvimento de projetos relevantes do órgão militar, como a C4ISR (Divisão de Sensoriamento Remoto e Apoio à Decisão) do IEAV (Instituto de Estudos Avançados), bem como obter cooperação no desenvolvimento de novas soluções para projetos do Smart Campus Facens.
 
“O DCTA é o órgão máximo de tecnologia na Força Aérea Brasileira (FAB), que é reconhecidamente uma área de muita tecnologia e inovação. Então para nós é muito importante, pois esse contato abre portas para a troca de colaboração com outras instituições, como o ITA, o IEAV, e há agora uma possibilidade muito grande de que nossos alunos e professores desenvolvam projetos em conjunto com essas entidades. É um marco para a Facens e para Sorocaba poder ter esse convênio assinado com o DCTA”, afirma o reitor Paulo Carvalho.

O Major Brigadeiro Potiguara, vice-diretor do DCTA, também elogiou a iniciativa. “Para nós que somos de uma instituição de ciência e tecnologia, temos que compartilhar conhecimentos e reduzir as dificuldades. Quando a gente faz uma parceria dessa, o único objetivo é oferecer um bom produto ao nosso país. Que esse produto seja comum e nós todos possamos compartilhar tecnologia nossa, desenvolvendo algo cada vez melhor. Queremos trabalhar conjuntamente com a Facens em pesquisa, desenvolvimento, aplicação imediata. Eu acho que isso aqui é somente o início de uma gran de parce ria. Aqui em Sorocaba é a primeira que firmamos e estou certo de que o Parque Tecnológico de Sorocaba também pode trabalhar muito afinado com o de São José dos Campos.”

 

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.