Alunos do programa JBA realizam palestras de prevenção ao suicídio em São Roque

Palestras vão de encontro a campanha Setembro Amarelo

Fotos: Divulgação
Foto sobre "Alunos do programa JBA realizam palestras de prevenção ao suicídio em São Roque"

O Programa Educacional Jovens Brasileiros em Ação, promovido pela Polícia Militar em parceria com a educação, realizou no mês de setembro durante a campanha “Setembro Amarelo”, palestras de conscientização e prevenção ao suicídio, sendo realizada uma palestra na Escola Municipal Carmen Lúcia, da Vila Amaral, no dia 20 de setembro e na Escola Estadual Prof. Germano Negrini, bairro do Taboão, no dia 25 de setembro, atingindo diretamente 700 alunos de ambas escolas, tendo os próprios alunos do JBA como apresentadores das palestras.

O programa JBA tem como objetivo despertar no adolescente e no adulto suas potencialidades, revelando a esse público as possibilidades de desenvolvimento como cidadão consciente, crítico e participativo, através da liderança juvenil, visando a transformação das realidades sociais através do protagonismo juvenil e da ação social.

Uma ação que se encaixa muito bem na campanha Setembro Amarelo, criada no Brasil em 2015 como uma iniciativa do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) para o combate ao suicídio.

 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 90% das pessoas que colocam fim à própria vida são portadores de transtornos mentais, muitas vezes não diagnosticados. Ainda segundo a OMS, esse mal acomete, principalmente, pessoas entre 15 e 29 anos, sendo a segunda maior causa de morte no mundo.

Com um impacto tão grande na vida das pessoas, a depressão e o suicídio são males combatidos amplamente tanto em campanhas como por instituições como o CVV, que realiza apoio emocional e de prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone (disque 188), e-mail e chat 24 horas todos os dias através do site www.cvv.org.br.

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.