Brasil bate Colômbia e segue para as semifinais

Jogo foi marcado pela mudança de ritmo e desempenho da seleção

Foto sobre "Brasil bate Colômbia e segue para as semifinais"
Creditos da imagem: Da Redação: Rafael Barbosa / Fotos: Jefferson Bernardes/VIPCOMM

A seleção Brasileira venceu a Colômbia e se classificou para as semi-finais da Copa do Mundo de 2014. Ao contrário do jogo sofrido contra o Chile, no último sábado, a partida de hoje mostrou uma equipe muito mais entrosada, dominando o jogo desde seus momentos iniciais, mesmo com alguns sustos e um pouco de drama ao longo da partida.

Os brasileiros conseguiram dominar o ritmo do jogo desde seus primeiros momentos, pressionado os colombianos no campo de defesa rival, não deixando que a equipe adversária conseguisse ter domínio de bola suficiente para  armar as jogadas. Como resultado, enquanto a Colômbia errava passes constantemente, a equipe brasileira trabalhava e pressionava o campo adversário, permitindo que o Brasil abrisse o placar logo aos seis minutos, com um gol de Thiago Silva logo após uma cobrança de escanteio de Neymar. Com o gol, o zagueiro passa a ser o primeiro capitão da seleção a marcar desde a Copa de 1994, quando o meia Raí marcou logo no inicio da competição.

A partida se seguiu e o Brasil ganhou gosto pelo jogo, pressionado ainda mais o adversário que não conseguia levar a bola até James Rodriguez e Cuadrado, os principais nomes de criação da equipe. A pressão surtiu efeito novamente aos 19 minutos, quando Hulk invadiu a área após tabela com Neymar e chutou forte para a bela defesa de Ospina. Pouco depois o atacante teve outra oportunidade de dentro da área, porém o goleiro colombiano novamente mostrou serviço.

O time colombiano teve poucas oportunidades, levando pouco perigo para a seleção graças a excelente marcação da equipe brasileira, que continua com a melhor média de desarmes da competição. O maior lance de perigo foi com um chute de Cuadrado, que passou próxima a trave.

O segundo tempo começou e o Brasil continuou marcando pesado, embora o ritmo tenha diminuído um pouco, o que permitiu que a Colômbia conseguisse sair mais para o jogo, porém a equipe visitante continuava errando muitos passes, deixando que nossa equipe explorasse mais o contra-ataque, mesmo que gerando pouco resultado. Os lances de perigo ficaram menos frequentes, até que aos 23 minutos, a David Luiz cobrou uma bela falta e aumentou o placar em 2 a 0 para o Brasil.

Com a grande desvantagem, o time colombiano partiu para o  tudo ou nada, avançando desesperadamente contra a defesa adversária, até que aos 31 minutos, Bacca recebeu passe na grande área e foi derrubado por Julio César, o que rendeu um cartão amarelo para o goleiro e um pênalti para a Colômbia. James Rodríguez cobrou e marcou, diminuindo o placar e o deixando isolado na artilharia da competição.

Com o gol o jogo ganhou ares de drama. A Colômbia continuou investindo, o que obrigou o técnico Felipão a reforçar a defesa com a entrada de Ramires e Henrique. A pressão persistiu até o fim mas não foi suficiente para tirar a vitória do Brasil, que enfrenta a Alemanha na terça-feira, as 17 horas, nas semifinais. 

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.