Mármore ou granito: uma opção que dura

Arquiteta Patrícia Tozzi fala sobre os benefícios destas duas pedras em construções

Foto sobre "Mármore ou granito: uma opção que dura"

O mármore e o granito são pedras que possuem grande durabilidade, resistência e fácil manutenção.  Por serem naturais, possuem variações de cores, manchas e veios, e dificilmente uma peça é igual à outra. Isto, no entanto, não significa qualidade inferior das peças. Isso pode ser facilmente verificado quando são aplicados em pisos. As diferenças podem ser maiores ou menores, conforme sua extração (peças obtidas de blocos diferentes ou até de jazidas diferentes). Assim, o mesmo mármore, de mesmo nome e mesma cor, pode apresentar diferenças.

Uma das grandes diferenças entre estes dois materiais é a dureza. O mármore é composto por um mineral e por calcita. Já o granito é formado por três minerais (a mica, feldspato e quartzo). Na prática, isso significa que o granito é bem mais duro, resistente e menos poroso do que o mármore.

O mármore por ser mais poroso, se desgasta mais facilmente. Deve ser utilizado preferencialmente em ambientes internos. Não deve ser utilizado na cozinha, pois absorve gordura, não tem resistência contra ácido, pode adquirir manchas e perda de brilho com produtos como vinagre, limão ou materiais de limpeza pesados. Por outro lado, o mármore é mais indicado que o granito para revestimento de paredes internas, porque é mais leve.

Ambos são indicados para piso interno, no entanto é preciso o cuidado de impermeabilizar o contra piso, no caso de aplicação em andar térreo. É recomendável utilizar cimento branco nos mais sensíveis, como granito claro e mármores, para não correr risco de alterar sua cor. Neste caso, evite os mármores mais porosos, que correm o risco de manchar-se com a umidade, apesar da impermeabilização. Tome cuidado, também, ao utilizar o granito polido: em pisos externos, torna-se escorregadio. Por outro lado, é uma excelente opção para a bancada da cozinha, por ser bastante higiênico.

Para diferenciar o mármore do granito… se estiver em dúvida, risque com uma faca ou canivete (uma peça de metal) a superfície do material, de preferência em uma parte que não fique visível. O mármore ficará marcado e o granito, não. Outra diferença é o próprio visual: o granito é mais mesclado, enquanto a coloração do mármore é mais uniforme. Ambos possuem alta qualidade, o importante é saber quais as aplicações mais indicadas para um e para o outro.

Arquiteta Patrícia Tozzi

Projetos Residenciais, Comerciais e de Interiores

4712-2735 / 96641-2776

APOIO

 

 

  

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.