Transporte coletivo de Sorocaba é modelo para grandes centros urbanos no Brasi

Investimento de R$ 50 milhões em tecnologia de ponta é um dos diferenciais da operação. Passageiros são beneficiados por soluções, desde o embarque digital até o vídeomonitoramento.

Assessoria de Imprensa Foto: Divulgação
Foto sobre "Transporte coletivo de Sorocaba é modelo para  grandes centros urbanos no Brasi"

Investimento de R$ 50 milhões em tecnologia consolida o BRT Sorocaba nacionalmente como modelo de alta performance na prestação de serviços de transporte coletivo. Tamanha projeção da operação tem motivado, nos últimos dois meses, a vinda de delegações de importantes cidades - São Paulo (SP), São Bernardo do Campo (SP), Recife (PE), Maceió (AL), Salvador (BA), Belo Horizonte (MG), Goiânia (GO) e Natal (RN) - para conhecer a operação e as benfeitorias disponíveis para os passageiros. Entre os visitantes, estavam empresários do setor de transporte, gestores públicos, agentes reguladores, profissionais da área e imprensa.

 

Devido à robusta tecnologia e o seu formato de negócio que concentra a implantação, a operação e manutenção do sistema via iniciativa privada, o BRT Sorocaba se tornou uma referência para as grandes cidades que buscam melhorias para os deslocamentos de ônibus.

 

Manoel Ferreira, diretor de Operações da Concessionária BRT Sorocaba, explica que toda operação tem sido reconhecida por especialistas do segmento e um dos itens que mais têm chamado a atenção dos visitantes é o alto nível de tecnologias aplicadas, que possibilitam uma operação com mais assertividade, autonomia e comodidade (bilhetagem digital, integração, ar-condicionado nos veículos, estações com conforto térmico, ambiente monitorado, acesso à internet, recarga de energia para celulares, aviso sonoro e painéis informativos nos terminais, estações e dentro dos ônibus) para o passageiro.

 

A partir do Sistema Inteligente de Transporte (ITS), 16 soluções integradas, via plataforma desenvolvida pelo CittaMobi, conectam e integram todos os dispositivos da operação, desde informações produzidas nos terminais, ônibus, catracas, bilhetagem e câmeras até sensores das portas, TVs e canais de som. Assim, gerando dados em uma única interface com operação controlada de forma remota e com mais autossuficiência.

 

“Estamos muito orgulhosos em saber que Sorocaba está sendo inspiração para outras cidades. Os visitantes percorrem os corredores exclusivos, as estações, os terminais e o Centro de Controle Operacional. Fazemos com que eles sigam a mesma rotina dos passageiros para que vivenciem como funciona o sistema. Eles embarcam em diversos pontos, em horários distintos e vivem a experiência do usuário na prática”, ressalta Ferreira.

 

Outros fatores que também têm conquistado o reconhecimento de todos são as viagens acompanhadas por videomonitoramento. Isso porque o recurso favorece a segurança nos deslocamentos.

 

 

 

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.