Mom jeans: a tendência dos anos 80 e 90 que está de volta

Confira tudo o que você precisa saber sobre mom jeans: características, combinações e muito mais!

Imagem: Reprodução/Pinterest
Foto sobre "Mom jeans: a tendência dos anos 80 e 90 que está de volta"

A história do mom jeans começou a partir de outra tendência na moda feminina conhecida como boyfriend (do inglês, namorado). Por volta de 1950, nos Estados Unidos, se popularizou entre as mulheres a composição de looks que emprestavam alguma peça do guarda-roupa masculino. O motivo era simples: as roupas masculinas ofereciam conforto e uma modelagem diferenciada para as mulheres.

As peças boyfriend podiam incluir blazers, jaquetas ou calças – todas elas criadas para o público masculino. No final dos anos 80 e início dos anos 90, as grandes marcas de departamento inglesas e norte-americanas observaram com atenção a moda boyfriend e começaram a fabricar calças jeans com uma modelagem mais folgada para as mulheres. Essas roupas se popularizaram rapidamente entre o público feminino da faixa dos trinta e quarenta anos, dando origem ao termo mom jeans (do inglês, jeans para mães).

Em seu contexto original, o mom jeans era uma expressão depreciativa. Ao diferenciar calças para mães de calças para mulheres se insinuava que a maternidade ou a meia-idade diminuíam a feminilidade de uma mulher. Tal característica seria acentuada pelo uso dessas calças que, em razão da sua modelagem mais reta e solta, eliminava o padrão da silhueta feminina ideal.

 

Sobre o recente resgate do mom jeans

 

De uma peça indesejável para as mulheres jovens de outrora, o mom jeans foi resgatado dos guarda-roupas dos anos 90 e se tornou atualmente um objeto de desejo de qualquer mulher, independentemente de sua idade. Você deve estar se perguntando: como isso aconteceu e por que agora?

Para muitas pessoas, não é novidade que a moda tem um comportamento cíclico, ou seja, que determinadas peças, cores, combinações ou acessórios retornam e desaparecem das passarelas e vitrines de tempos em tempos. Algo similar aconteceu com as calças do tipo mom jeans.

Nos últimos dois anos, as semanas de moda internacionais têm mostrado para nós algumas tendências bastante consistentes para a moda tanto masculina quanto feminina. Tratam-se de três elementos que apareceram nas coleções de inúmeras marcas em inúmeros desfiles, incluindo Milão, Nova Iorque e Paris. Veja a seguir quais são:

  • Moda agênero: literalmente, sem gênero. Cada vez mais comum entre as grandes marcas, as diferenças entre as peças dos desfiles masculinos e femininos têm desaparecido gradativamente. As roupas e as suas modelagens passam a ser construídas para favorecer tanto os homens quanto as mulheres.
  • Moda comfy: uma decorrência direta do contexto pandêmico que vivemos, isolados em nossas casas, os looks comfy representam conforto, seja pelo tecido, pela simplicidade ou pelas cores. Predominam aqui roupas mais soltas, aconchegantes, de construção minimalista e caimento fluido.
  • Moda oversized: a aposta em numerações maiores para compor um look, tanto na parte superior quanto na parte inferior tem se tornado uma tendência cada vez mais sólida nos últimos anos.

As calças mom jeans são calças de cintura alta com um corte mais reto e folgado. Sua única diferença em comparação às calças jeans masculinas é a cintura mais modelada que permite a construção de uma silhueta, ainda que seja de uma modelagem mais ampla e reta.

 

Imagem: Reprodução/Pinterest

 

De certa forma, a mom jeans representa em uma única roupa todas as principais tendências mencionadas anteriormente. Trata-se de uma peça feminina inspirada nos modelos masculinos de calças jeans, priorizando o conforto de quem veste.

De modo geral, você tem que se atentar para três características básicas na hora de escolher as calças mom jeans ideais. Em primeiro lugar, a cintura: todas as calças do estilo mom jeans possuem cintura alta e o corte que favorece a silhueta pelo desenho do quadril. Em segundo lugar, o corte: as calças mom jeans geralmente tem um traço mais reto na altura das pernas e as versões mais modernas também podem aparecer com um leve afunilamento no final. Por fim, a última característica importante para se atentar é o comprimento: as mom jeans não são calças compridas, delimitadas na altura da canela.

 

 

Mom jeans: quando e como usar

 

Por se tratarem de peças básicas e minimalistas, você não encontrará muitas restrições ou dificuldades para incluir as calças mom jeans em seu dia-a-dia. Tratam-se de calças que podem ser facilmente utilizadas tanto naqueles ambientes de trabalho mais formais, como também em situações mais despojadas, como festas, passeios ou encontros.

Assim como todas as calças de cintura alta, os modelos de mom jeans ressaltam a região do abdômen e quadril. Nesse sentido, elas podem desfavorecer um pouco as silhuetas de quem possui a barriga saliente e os quadris avantajados. Para aquelas que possuem esse perfil são recomendados modelos de calças com a cintura mais baixa. Mas lembre-se! Seja qual for o padrão do seu corpo evite ao máximo o uso de calças com a cintura extremamente baixa.

A mom jeans é uma peça neutra no vestuário, suas possibilidades dependem exclusivamente das outras roupas e acessórios que você utilizará para compor seu look. Veja a seguir algumas possibilidades de combinação.

 

Camisas e camisetas

 

Calças de cintura alta, como as mom jeans, podem ser acompanhadas de praticamente qualquer camisa ou camiseta, desde que seja colocada pra dentro da calça. Isso permite que a sua silhueta seja mantida, evitando também o encurtamento do seu tronco.

Peças que exibem a barriga, como tops e croppeds, também são bem vindos com esses modelos de calças.

 

Sapatos, tênis e sandálias

 

As calças mom jeans terminam na altura da canela, o que te oferece um pouco de alongamento na região das pernas. Nesse sentido, não há necessidade de utilizar salto alto ou plataformas para essas calças. Dê preferência aos tênis, botas de cano curto, mules ou sandálias de salto baixo.

 

Acessórios

 

O modelo das calças mom jeans são privilegiados pela sua simplicidade. Isso se reflete até mesmo em seus acessórios. Os cintos não são um artigo obrigatório para essas calças, pois elas já são construídas para marcar sua cintura. No entanto, se você faz questão de adicionar um acessório dê preferência aos cintos de couro mais finos em cores neutras, como marrom ou preto.

 

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.