Moradores pedem sinalização para estrada entre Marmeleiro e Vila São Rafael

Estrada improvisada segue paralela a uma linha de trem desativada

Da Redação: Rafael Barbosa
Foto: Rafael Barbosa
Foto sobre "Moradores pedem sinalização para estrada entre Marmeleiro e Vila São Rafael "

Moradores da região do Marmeleiro procuraram o Jornal da Economia para falar sobre o perigo de se ter uma mão dupla de veículos na via que liga o bairro Marmeleiro até a região da Vila São Rafael, ambos em São Roque.

A estrada que segue paralela a uma linha de trem desativada liga a Rua João de Candinha (Marmeleiro) a Estrada do Britador (Vila São Rafael) e passou a ser muito utilizada pelos moradores da região após a duplicação da Rodovia Raposo Tavares entre São Roque e Mairinque.

A utilização da via improvisada tenta resolver mais um problema causado pela duplicação da rodovia, já que após a obra, os motoristas que vem de São Roque e precisam acessar a região tem que ir até Mairinque para então fazer o retorno e seguir o caminho de volta para chegar as suas casas, localizadas do outro lado da rodovia no Marmeleiro.

Porém a passagem constante de veículos traz sérios problemas já que carros tem utilizado a via nas duas mãos, inclusive para seguir do Marmeleiro para a Vila São Rafael, trajeto que não é necessário já que a Raposo Tavares já segue este fluxo para os que seguem com sentido a São Roque.

O fato já causou transtornos pois a via é pequena e impede que dois automóveis passem ao mesmo tempo e como caminhões também usam a via, moradores já falaram que acidentes já quase aconteceram devido a veículos que seguiam em sentidos opostos terem se encontrado de repente na via.

“Precisamos de uma placa aqui que impeça a circulação de veículos nos dois sentidos e o transito de veículos pesados pois isto pode provocar um acidente aqui”,  disse Maria de Lourdes Victorio, que reside há cerca de 40 anos no bairro e reclama da falta de investimentos na região.

O Jornal da Economia questionou a Prefeitura de São Roque com relação a possibilidade da instalação de sinalização no trecho, mas até o fechamento desta reportagem não houve resposta.

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.