Como tornar sua casa mais inteligente com o auxílio da tecnologia?

Autora: Phamela Hinhel
Foto sobre "Como tornar sua casa mais inteligente com o auxílio da tecnologia?"
Creditos da imagem: As fechaduras inteligentes deixam sua casa mais segura / Autor: Sebastian Scholz (Nuki) / Fonte: Unsplash

Já pensou em controlar todos os dispositivos da sua casa através do seu smartphone? Não precisar levantar do sofá para pegar o controle remoto da TV, apagar a luz ou até mesmo fechar as cortinas? E que tal abrir a porta sem chaves usando sua digital ou mesmo seu celular? Se isso ainda parece um sonho, saiba que já é realidade mesmo no Brasil. E essa tendência vem crescendo.

 

Estamos falando da “casa inteligente”, que visa oferecer mais automação, conforto e segurança utilizando a tecnologia a seu favor. Os moradores podem personalizar suas necessidades integrando dispositivos conectados à internet para realizar funções que antes precisam do toque humano.

 

De acordo com dados fornecidos pelo portal TechReviews ao JEOnline, a busca pelo termo “casa inteligente” cresceu mais de 300% no Brasil no intervalo de um ano, considerando setembro de 2019 a agosto desse ano. O número de pesquisas dentro de um mês passou de 1.920 para 8.499 através de dispositivos móveis.

 

Isso explica porque o setor de segurança teve alta de 40% na busca por tecnologia inteligente. O desejo de tornar lares e empresas mais conectados aumentou durante a pandemia, enquanto as pessoas estão passando mais tempo em casa ou percebendo certas necessidades na segurança da companhia.

 

Tornar sua casa inteligente é mais simples do que parece, embora precise de investimento e profissionais habilitados para instalação dos serviços. Confira algumas mudanças que você já pode realizar:

 

  1. Compre um HUB: Um HUB é o coração da casa inteligente. Ele será o responsável em conectar seus dispositivos (que não possuem wi-fi) com a rede de internet da sua casa. Os comandos podem ser feitos pelo seu smartphone.
  2. Conte com um assistente virtual: A Alexa ou o Google Home são ótimas opções de assistentes digitais, complementando funções do HUB, só é preciso checar a compatibilidade entre eles. Com esse assistente você pode controlar alguns dispositivos da sua casa com seu comando de voz. Na prática, você pode tocar música, fazer pesquisas, compras, entre outras programações.
  3. Tenha equipamentos compatíveis: Sua lâmpada comum não vai funcionar ao comando do seu smartphone, é preciso investir em equipamentos que possam ser integrados ao HUB, como uma lâmpada inteligente. A dica vale a para todos os eletrônicos. Cheque a compatibilidade entre o HUB e aparelhos de som, TVs, campainhas e fechaduras digitais, cortinas, ventiladores de teto, portões, entre outros. Verifique ainda se esses equipamentos também são compatíveis com o assistente virtual que você escolheu.

 

Comece investindo na integração de um cômodo. Levar esse conforto para a sala ou quarto pode ser uma boa forma de desfrutar dos benefícios da casa inteligente sem gastar muito. Quando você menos esperar estará com a casa toda conectada.

 

 

 

 

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.