São Roque registra mais de 200 casos de coronavírus em julho

Pior mês do município desde o início da pandemia

Da Redação: Rafael Barbosa
Fotos: Divulgação
Foto sobre "São Roque registra mais de 200 casos de coronavírus em julho"

São Roque registrou em julho o seu pior mês em número de casos confirmados de coronavírus. Segundo os Boletins Epidemiológicos divulgados diariamente pelo governo são-roquense, a cidade registrava no dia 1° de julho 226 casos, número que saltou para 427 no último dia do mês, o que somado aos cinco casos entre o dia 30 de junho e 1º de julho, chegam a 206 casos em 30 dias.

Para se ter uma comparação, junho havia sido o pior mês até então,  sendo o período em que os casos de coronavírus explodiram no município. A cidade havia registrado 65 casos até o dia 1º, e no dia 30 chegou a 221 pacientes infectados com a covid-19, um aumento de 156 casos.

O aumento mês a mês do número de casos oficiais, ocorre em todas as regiões do estado, que têm testado mais pessoas com suspeita de terem contraído o coronavírus ao longo dos meses. Segundo dados divulgados pelo Governo do Estado de São Paulo, até o dia 27 de julho, já haviam sido realizados mais de 1,7 milhão de exames para diagnóstico do novo coronavírus, sendo que dos 1.788.185 exames processados até este dia, 576,3 mil diagnósticos ocorreram apenas em julho e a expectativa era superar os 691,6 mil testes ocorridos em junho. O número atual de testes realizados ainda não foi divulgado.

Outro fator que impacta os dados neste mês, foi à portaria expedida pelo Ministério da Saúde, no dia 17 de julho, onde estabelece que todos os laboratórios brasileiros, públicos ou privados, passaram a ser obrigados a notificar os casos positivos, negativos ou inconclusivos para coronavírus, independentemente da metodologia aplicada (tipo de exame): RT-PCR, teste-rápido ou sorologia.

Queda do número de casos deve ser visto com cuidado

São Roque tem registrado um número relativamente baixo de casos na última semana, com índices que variam entre dois e cinco casos diários. Entretanto, o número de registros oficiais deve ser visto ainda com cautela, devido ao alto índice de exames ainda aguardando resultados e que está sendo analisado em laboratórios credenciados pelo Estado.

São Roque já vinha há cerca de dois meses registrando números relativamente baixos de testes em análise, com uma fila de espera que variava entre 10 e 15 casos, porém, desde o dia 09 de julho o número de casos suspeitos aguardando diagnóstico tem crescido diariamente, alcançando neste domingo o seu maior índice desde o início da pandemia, com 86 casos suspeitos em análise.

O crescimento na fila de espera mostra um aumento de notificações não apenas na cidade, mas em toda a região, fazendo com que os laboratórios tenham tido dificuldades para atender a demanda de diagnósticos.

Deste modo, o número de casos diários pode crescer conforme a fila de espera de exames diminuía no município.

Cidade lida bem com aumento de casos

Apesar dos dados preocupantes com relação ao número de casos de covid-19, os registros mostram que São Roque tem lidado com eficiência a respeito da epidemia, visto o baixo índice de mortalidade e, sobretudo, a baixa ocupação dos leitos de UTI e enfermaria exclusivos para o tratamento de coronavírus.

Apesar dos mais de 200 novos casos apenas em julho, a cidade registrou no final do mês o primeiro dia sem pacientes nos leitos de UTI, além de uma baixa ocupação de internações em leitos de enfermaria.

Publicidade:

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.