FGV EAESP e AfroChamber promovem webinar gratuito sobre as oportunidades de comércio e investimento no Continente Africano

Evento será nesta quarta-feira, 08, das 10h às 11h45

Assessoria de Imprensa Foto: Pixabay
Foto sobre "FGV EAESP e AfroChamber promovem webinar gratuito sobre as oportunidades de comércio e investimento no Continente Africano"

A Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EAESP) e o AfroChamber realizarão nesta quarta-feira, 08, das 10h às 11h45, um debate online e gratuito sobre as vastas e ainda inexploradas oportunidades de comércio e investimento no Continente Africano, incluindo perspectivas de comércio no âmbito do novo Acordo de Livre Comércio Continental Africano (AfCTA), oportunidades de comércio sob estruturas regionais de cadeias de valor e como navegar pelo potencial de investimentos empresariais sustentáveis na África. Os interessados em participar devem fazer a inscrição pelo site http://evento.fgv.br/webinaronemba08/. O link para participação será enviado por e-mail aos inscritos.
 

Participam do debate: Albert M. Muchanga, comissário para Comércio e Indústria, União Africana; Wamkele K. Mene, secretário geral do Acordo de Livre Comércio Continental Africano - AfCTA (a ser confirmado); Rafael Ranieri, conselheiro da Arábia Saudita, Argentina, Áustria, Brasil e Japão na Diretoria Executiva do Banco Africano de Desenvolvimento - AfDB; Adrian Saville, professor de Economia e Finanças do Gordon Institute of Business Science, Universidade de Pretória - África do Sul; Ndidi Okonkwo Nwuneli, cofundadora do Sahel Capital Group - Nigéria; Shukri Toefy, CEO do Fortified Froup e Especialista em Empreendedorismo da Saïd Business School, Universidade de Oxford; Sr. Rui Mucaje, presidente da AfroChamber; e Jorge Carneiro, professor associado da FGV EAESP. A moderação será de Bob Enofe, PhD em Direito Internacional, Consultor Jurídico da AfroChamber, pesquisador do OneMBA e especialista em negócios internacionais.

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.