Impermeabilização de laje com manta asfáltica

Assessoria de Imprensa Foto: Divulgação
Foto sobre "Impermeabilização de laje com manta asfáltica"

Você com certeza já ouviu falar sobre impermeabilização de laje com manta asfáltica, não é mesmo? Mas você sabe como isto realmente funciona? E será que este método é mesmo o mais indicado?

Para saber isso, e muito mais, sobre impermeabilização de laje com manta asfáltica, basta ficar ligado neste artigo até o final. Aqui nós vamos te ensinar tudo o que você precisa saber sobre a impermeabilização de laje com manta asfáltica! Vamos lá?

Antes de mais nada, você sabe o que é a mantas asfáltica?

"Tem haver com asfalto, né?"

Bom, esta resposta não está errada, mas vamos aprofundar um pouquinho mais do que apenas isto. A manta asfáltica é feita com material asfáltico (meio óbvio) modificado, ou seja, são adicionados polímeros de maneira a garantir uma elasticidade e durabilidade maior.

Assim como os polímeros que são adicionados ao asfalto contribuem para com suas características, tal qual sua resistência, os utilizados na manta asfáltica também contribuem com características únicas que são aproveitadas na laje, tais como resistência aos raios solares, resistência a fadiga, maior elasticidade, etc.

Ou seja, mesmo que você opte por utilizar a manta asfáltica, é bom ficar atento as suas especificações (tanto da manta quanto as de sua laje) para obter um maior sucesso ao impermeabilizar sua laje.

Os tipos de manta asfáltica

Como dissemos acima, a manta asfáltica possui mais de um tipo, cabe a você julgar qual o melhor para sua laje em específico, levando sempre em contas as particularidades de sua laje. E, para te ajudar nesta escolha, vamos apresentar brevemente os tipos de manta asfáltica que existem atualmente no mercado.

1 - A manta ardosiada

Este te tipo de manta possui uma autoproteção de ardósia em sua face superior, ou seja, isso faz com que ela não necessite de uma proteção mecânica.

Ela é mais utilizada de acabamento final nas coberturas que não recebem tráfego de pedestres. Também em coberturas cuja inclinação não seja superior a 30%, tal como abóbadas, cúpulas, etc.

2 - A manta aluminizada

Ou simplesmente manta alumínio, ela é considerada uma manta auto protegida. na face superior desta manta há uma lâmina de alumínio, a qual é utilizada de acabamento final para áreas sem tráfego.

Ela é mais utilizada para beirais, abóbodas, marquises, calhas, telhados, viga-calha, etc.

3 - A manta asfáltica flutuante

Não, a manta não vai ficar realmente flutuando, calma que a gente já te explica direitinho como funciona. O que acontece aqui é que a manta é desligada do substrato, ou seja, ela é aplicada de maneira a "envelopar" toda a estrutura, sem aderir a sua base.

Ela é mais utilizada em superfícies que sejam planas e sofram com grandes deformações.

4 - A manta asfáltica aderida

Esse é tido como o método mais comum para a aplicação da manta asfáltica, sendo que ele pode ser realizado com a aderência com asfalto ou com maçarico.

Na aderência com asfalto, a manta é colada na superfície utilizando-se de asfalto aquecido. Já com o maçarico, direciona-se sua chama para aquecer o substrato bem como a face de aderência da manta para que ambos se colem, entretanto, ao utilizar a chama é claro que deve-se tomar os devidos cuidados com sua intensidade, para que não acabe danificando a manta asfáltica.

Ela é mais utilizada para lajes externas, lajes de cobertura, jardins, térreos, piscinas, varandas descobertas, etc.

Certo, e quanto custa uma impermeabilização de laje com manta asfáltica?

Ok, nós sabemos que o preço é um fator decisivo na tomada de decisão de qualquer tipo. Não adianta nada te apresentarmos um sistema de impermeabilização de laje perfeito, com mil e uma utilidades sendo que seu preço final é totalmente inviável. Mas calma, não é este o caso da manta asfáltica.

O preço do m² costuma variar entre R$ 200,00, mas o ideal mesmo é que você peça alguns orçamentos perto de você.

Aplicando a manta asfáltica

E, como não poderia deixar de ser, vamos te ajudar com um passo a passo rápido da instalação da manta asfáltica, mas logo de cara já destacamos que a manta asfáltica deve ser instalada somente por profissionais devidamente capacitados, nada de tentar fazer você mesmo!

Com isto em mente, vamos ao passo a passo:

  1. O primeiro passo é limpar bem a superfície que a manta asfáltica será aplicada, deixe-a também bem regularizada, com os caimentos devidos para os ralos.

  2. Em seguida aplique o primer (tinta de ligação) entre a manta e o local em que você irá aplicá-la. Aguarde o tempo de cura indicado pelo fabricante.

  3. Com o auxílio de um maçarico (a sua chama irá derreter a manta e fixá-la na superfície), cole a manta na base. É óbvio que a intensidade da chama utilizada pelo maçarico deverá ser diminuída

  4. Com uma espátula, assente a manta de maneira que ela fixe bem, e que não haja vãos por onde a água possa se infiltrar.

  5. Assim que um rolo da manta chegue ao fim, desenrole outro e solde-o sobre o primeiro. Sobreponha uma emenda sobre a outra em 10 cm.

  6. Por fim realize o teste de estanqueidade, durante 72 horas deixe uma camada de água sobre a manta e observe se não irá ocorrer fissuras ou vazamentos de nenhum tipo, caso ocorra, você terá de refazer todo o processo.

Para ficar ligado

Só de ter chegado até aqui na leitura você já sabe bastante coisa sobre impermeabilização de laje com mantas asfáltica, mas ainda há algumas coisinhas que você deve saber quando assunto é este.

Seu tempo de vida

Como já era de se esperar, o tempo de vida da manta asfáltica não é infinito, na verdade bem longe disso. A maioria dos fabricantes vende a manta com um tempo de vida de 20 anos, mas a realidade é bem diferente desta. A manta asfáltica possui um tempo de vida entre 5 a 10 anos. E, se você não se atentar para seu tempo de vida, ela irá começar a se quebrar e apresentar falhas em sua fixação, a presença de infiltrações e vazamentos é garantida.

E claro, para garantir seu tempo de vida máximo vai um pouco além do que apenas um produto de qualidade, mas também sua instalação deve ser feita corretamente. Mais um motivo para utilizar apenas profissionais qualificados para este trabalho.

No caso de falhas

A instalação foi feita de maneira errada? Pois então se prepare para uma longa dor de cabeça!

No caso de falhas, toda a manta deverá ser retirada e o processo iniciado todo novamente, mas isto não é nem o pior que poderia acontecer. A demolição de todo o piso existente configura no pior cenário possível, e é sempre aconselhável nos prepararmos para o pior.

A mão de obra

Certo, você provavelmente já entendeu onde queremos chegar, mas vamos deixar isso o mais claro possível: procure utilizar apenas mão de obra qualificada!

Fuja do "faça você mesmo" ou do vizinho que diz saber fazer. Os riscos de contar com uma mão de obra desqualificada com certeza são bem maiores!

Conclusão

Bom, agora você já sabe como é feita a impermeabilização de laje com manta asfáltica, conhece os tipos de manta asfáltica e os riscos de não utilizar uma mão de obra especializada!

Já pode se considerar um especialista no assunto? Claro que não, isto é apenas a ponta do iceberg. Mas, pelo menos, quando a discussão vier a tona, você não mais será um leigo no assunto, e agora saberá do que se trata!

Produzido por Master Plate

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.