PM e Sociedade protetora dos animais averiguam denúncia de maus tratos em Mairinque

Animal não apresentava ferimentos ou sinais de maus tratos

Foto: Facebook / Giovana Cesar Botti
Foto sobre "PM e Sociedade protetora dos animais averiguam denúncia de maus tratos em Mairinque"

Policiais Militares e membros da Sociedade protetora dos Animais de Mairinque estiveram no bairro Granada, em Mairinque, no sábado (24) atendendo a uma denúncia de maus tratos contra um cachorro.

Segundo leitores do Jornal Da Economia, que procuraram nossa redação para abordar o caso, moradores do local dizem que o animal é agredido pela sua dona regularmente e assim, acionaram as autoridades competentes para abordar o assunto.

Respondendo ao contato desta reportagem, um membro da sociedade informou que esteve na casa da proprietária do cão, juntamente com a polícia. A dona do animal negou as acusações de maus tratos, mas não deixou que eles entrassem na residência para ver o pet, que é da raça Pitbull. O cão passaria a maior parte do tempo preso a uma corrente, mas foi solto para que pudessem ser avaliado pelos presentes, mesmo atrás da grade, e foi constatado que o animal estava bem alimentado e não apresentava sinais de maus tratos, não tendo ferimentos no corpo ou comportamento agressivo.

PUBLICIDADEJORNAL DA ECONOMIA JE

Devido a situação e falta de evidencias de maus tratos, as autoridades conversaram com a dona e deixaram o animal no local, entretanto a Sociedade Protetora dos Animais deve continuar acompanhando o caso.

Comentários:

Suas informações de contato não serão divulgadas.