A origem do bolo de aniversário

Delicioso costume teve origem nas oferendas feitas aos deuses da Antiguidade

A origem do bolo de aniversário

Pois então pessoal, normalmente costumo pensar em matérias que tenham a ver com datas que se aproximam, afinal nada melhor do que preparar um cardápio caprichado para receber os amigos não é mesmo ? Mas hoje, exatamente hoje, não tinha como preparar outra matéria sem pensar nessa data: 06 de março , o dia de hoje . Nenhuma data especial no calendário, nenhum feriado nacional, mas para mim uma data muito importante. A data onde eu tenho muito mais a agradecer do que a pedir por ela. Hoje é o meu aniversário. E pensando exatamente nessa data, reparei que nesses mais de 14 meses de convívio semanal, nunca havia escrito nada sobre esse tema.

Que tal saber mais um pouquinho e culminar com uma receita de deixar qualquer convidado da festa literalmente de boca aberta ?

Então vamos lá ! Parabéns à todos os piscianos e arianos do mês de março !

Celebrar uma data importante com direito a guloseimas tem sua provável origem nas festas de culto aos deuses da Antiguidade. Agradeça à deusa Ártemis, celebrada pelos gregos como a matrona da fertilidade, pelo aparecimento do bolo de aniversário. Ele é provavelmente a evolução de um preparado de mel e pão, no formato de uma lua, que fiéis levavam ao famoso templo em homenagem a ela em Éfeso, antiga colônia grega na atual Turquia.

Há especialistas que defendem outra teoria. Segundo ela, a tradição surgiu na Alemanha medieval, onde se costumava preparar uma massa de pão doce no formato do menino Jesus no Natal. Depois essa guloseima seria adaptada para a comemoração do aniversário de crianças.

Já o uso de velas também teria sido herdado do culto aos deuses antigos, que tinham a missão de levar, por meio da fumaça, os desejos e as preces dos fiéis até o céu, para que eles fossem atendidos.

Mas e as festas de aniversário? Até hoje, não se sabe a data exata de quando os nascimentos começaram a ser celebrados. Ainda nos dias atuais, a comemoração é um costume ocidental nem sempre seguido por outros povos. No Vietnã, por exemplo, os aniversários não são comemorados individualmente no dia do nascimento – e sim coletivamente, no ano-novo vietnamita, que segue o calendário lunar e acontece, em geral, entre os nossos 21 de janeiro e 9 de fevereiro.

Embora não saibam exatamente quando a tradição surgiu no Ocidente, os historiadores sabem que a festa já era conhecida na Antiguidade.

Os romanos não apenas comemoravam o dia do nascimento como tinham um nome para a festa: dies sollemnisnatalis.

Há, por exemplo, um registro do século 2 em que uma cidadã chamada Cláudia Severa convida sua amiga SulpíciaLepidina para a comemoração.

Outra tese que reforça a idéia de que foram os romanos os difusores dessa tradição é a existência de túmulos que registram com precisão o número de anos, meses e dias no sarcófago – o que indica que eles sabiam o dia exato do nascimento do sujeito. Eles também comemoravam outros aniversários, como o da fundação de Roma, em 21 de abril.

 

 

BOLO FLORESTA NEGRA

 

Para uma festa infantil ou festa para os mais grandinhos, o bolo de chocolate floresta negra é irresistível. Se você fizer com certeza vai agradar muito, pois é um dos preferidos para festa e comemorações.

 

Ingredientes

 

Para a massa

– 3 colheres (sopa) de manteiga

– 2 xícaras (chá) de açúcar

– 4 ovos

– 1 xícara (chá) de leite

– 1 xícara (chá) de farinha de trigo

– 1 xícara (chá) de chocolate em pó solúvel

– 1 colher (sopa) de fermento em pó

 

Recheio e Cobertura

– 200 gramas de manteiga sem sal

– 8 colheres (sopa) de chocolate em pó solúvel

– 3 colheres (sopa) de açúcar

– 2 latas de creme de leite

 

Para decorar

– Chocolate granulado e cerejas. Uma boa opção é fazer raspas de chocolate meio amargo.

 

Modo de Preparo

 

Massa

– Bata na batedeira, a manteiga, o açúcar e as gemas até obter um creme

– Misture aos poucos o leite, a farinha de trigo, o chocolate e o fermento

– Mexa delicadamente

– Bata as claras em neve e incorpore à massa

– Unte uma fôrma com manteiga e polvilhe farinha de trigo e despeje a mistura

– Leve para assar em forno pré aquecido.

– Reserve

 

Recheio e cobertura

– Separe os ingredientes (relacionados anteriormente)

– Bata a manteiga na batedeira até obter um creme

– Despeje em um recipiente e misture o chocolate em pó, o açúcar e o creme de leite até obter uma massa homogênea.

– Retire o bolo do forno, desenforme e depois de frio, corte-o ao meio

– Recheie o bolo e cubra com o creme de chocolate.

– Decore com chocolate granulado e cerejas.

Foto

Fabiana Justo

ver mais

mais de Fabiana Justo

Comentários:

1