Os três macacos

Os três macacos

- Foto:Divulgação

Muito provavelmente você já viu a figura dos três macacos que estão na porta de um estábulo que fica no templo Toshogu na cidade de Nikko no Japão. 

Especula-se que foram levados ao Japão por um monge budista chinês no século 8 e seus significados seriam:

Mizaru – O macaco que tampa os olhos com as mãos, é a representação de que não devemos ver o mal. Não devemos sentir inveja das pessoas, em outras palavras, não devemos por olho gordo (mau olhado) nas coisas que não nos pertence.

Kikazaru – O macaco que tampa os ouvidos com as mãos, é a representação de que não devemos ouvir o mal. Não devemos dar ouvidos as fofocas. 

Iwazaru – O macaco que tampa a boca com as mãos, é a representação de que não devemos falar mal das pessoas, não devemos levantar calúnias e não devemos ofende-las.

Infelizmente, atualmente os três macacos representam uma total omissão por parte do governo, da polícia e da sociedade.

Todos fingem que não veem, não ouvem e se recusam a levantar suas vozes por um mundo mais justo para todos.

Se fazer de cego, de surdo e de mudo, é pura omissão e não ajuda em nada a evolução de nossa sociedade e da moral humana.

Você tem a liberdade de interpretar a figura dos três macacos do modo que quiser, eu prefiro interpretar do seguinte modo:

Mizaru – Não feche os olhos para o descaso das autoridades. Não feche os olhos para o mal que a humanidade causa a si mesma, aos animais e ao meio ambiente.

Kikazaru – Não se faça de surdo. Não finja que não ouve os pedidos de ajuda dos necessitados.

Iwazaru–Não fique calado as injustiças. Não se finja de mudo. Tenha coragem para ser sempre honesto e falar a verdade doa a quem doer!

 

Por: Sandra Maria Duarte

indiagestao.blogspot.in

Foto

Sandra Maria Duarte

Sandra Maria Duarte é Professora, geógrafa e psicanalista e vive na Índia O Melhor Blog sobre a Índia é Sucesso entre Jornalistas e Professores. Tema de tese de Doutorado, Mestrado e diversos TGs. Fonte da novela Caminho das Índias. https://indiagestao.blogspot.com

ver mais
Publicidade:

mais de Sandra Maria Duarte

Comentários:

1