Como escolher a cor certa para cada ambiente

No clima da copa vamos falar do verde, amarelo, azul, branco e cores neutras como cinza e preto muito usadas na decoração

Como escolher a cor certa para cada ambiente

- Fotos: Divulgação

Escolher a cor das paredes é um importantíssimo passo, que determinará toda a decoração. Além disso, a cor é vital para fazer com que um ambiente pareça mais amplo, alegre, luminoso, quente.

Abaixo vamos apresentar algumas cores para te auxiliar na hora da pintura em seu ambiente.

Verde: é a cor que está no ponto de equilíbrio entre claro e escuro, calor e frio. É uma cor reservada e repousante. Simboliza o bem-estar, a saúde, frescor, esperança, segurança, equilíbrio, juventude, tranquilidade e suavidade. O verde é muito utilizado nos ambientes pois tem uma grande variedade de tons com sensações agradáveis e confortáveis, e aceita facilmente composições com outras cores.

Amarelo: O amarelo é ideal em áreas de alimentação, como cozinha e sala de jantar, pois estimula o apetite. É também bem empregado em áreas de estudo e escritórios pois estimula as atividades intelectuais, ambientes que necessitam de uma atmosfera ativa.

Azul: considerada cor fria, causa impressão de profundidade no ambiente. Ao contrário do amarelo que é estimulante e cor próxima da luz, o azul pode transmitir serenidade e paz. Por ser a cor mais escura, provoca também sensação de frio e repouso. Segundo a Cromoterapia, é uma cor sedativa e curativa. Assim, em ambientes de repouso, relaxamento e tranquilidade como no quarto, escolhe-se essa cor. Mas deve-se ter cuidado com o tom de azul pois pode também deprimir ao fim de algum tempo. O azul em sua tonalidade mais clara, traz sensação mais alegre. O azul, em seu tom escuro, representa profundidade de sentimento e amplitude (ao ambiente). É uma cor com sensação refrescante podendo ser utilizada em lugares quentes. Em lugares frios deve ser evitada pois aumenta a sensação de tristeza e frio.

Branco: do ponto de vista físico, é a soma das cores. O branco é o resultado da mistura de todos os matizes do espectro solar. Representa a paz, pureza, limpeza, estabilidade, luminosidade, simplicidade. 

Preto: não é cor, é ausência de luz. Possui a propriedade física de absorver quase todos os raios luminosos que incidem sobre ele. Pode transmitir a sensação de seriedade e prudência. Combinado com outras cores, traz uma sensação alegre. O preto é uma cor sofisticada, imponente. É utilizada em pequenas áreas ou em elementos decorativos, quando se deseja um clima solene e sóbrio no ambiente.

 Cinza: resultado da mistura do preto com o branco, posiciona-se entre a luz e a sombra. É uma cor passiva, sem vida, não relaxa nem anima, não interferindo nas sensações. Por esse motivo é bem empregada junto com outras cores.

Antes de pintar é importante consultar vários mostruários, pois as cores variam muito dependendo da marca da tinta e da iluminação onde será aplicada. Escolha um tom mais claro do que você gosta, pois, a tinta tende a escurecer quando é aplicada na parede. Peça ao pintor que realize várias amostras de 1m² sobre várias paredes. Deixe-as secar e as observe em diferentes horas do dia. O efeito ótico varia segundo a quantidade de luz e sua intensidade.
 

Foto

Patricia Tozzi

ver mais

mais de Patricia Tozzi

Comentários:

1