Pobre Mendigo

- Foto: Reprodução/Internet

Já repararam que,quando um mendigo se aproxima de nós,muitos tem o péssimo hábito de fugir ou
de desviar-se deles?
Será que já paramos ao menos uma vez na vida para pensar que,o fato de estarem barbados,sujos ou
maltrapilhos se deve a falta de vontade de viver?
Se quando nós,que tomamos banho todos os dias,vivemos limpos e bem alimentados quando
ficamos tristes ou deprimidos já não temos vontade de fazer nada,nem ao menos nos
cuidar,imaginem eles,os pobres mendigos?
É preciso rever nossos conceitos e entender que,na rua assim como em qualquer ambiente de
trabalho existem pessoas boas ou más e que portanto,não devemos julgar o todo!
Sabemos que,muitos mendigos bebem e até pedem dinheiro para beber,mas existem também
aqueles que cairam nas ruas por desilusões,por dívidas impagáveis,por abandonos familiares, etc.
Existem até mendigos estudados e que por alguma desgraça na vida acabaram caindo na rua da
amargura!
Tenhamos mais compaixão para com esses tristes e solitários seres,que as vezes nem querem o
nosso dinheiro mas sim um bom dia,um sorriso ou mesmo um prato de comida!
Quem ajuda e estende a mão certamente está fazendo um bem enorme a si mesmo e a um novo
irmão!

Foto

Alexandre Soares

ver mais
Publicidade:

mais de Alexandre Soares

Comentários:

1