Hora de sentir gratidão

Hora de sentir gratidão

- Foto: Reprodução/Internet

De acordo com a psicanalista austríaca Melanie Klein, gratidão é um sentimento que se inicia logo nas primeiras relações da infância, atuando como um “saber amar”. Tal condição de “sentir gratidão” depende da capacidade inicial de possuir amor suficiente para reconhecer as demais ações que recebemos em nosso dia a dia.

            Além de ser um sentimento nobre, a “gratidão” pode estar atrelada com traços de nossa personalidade, auxiliando na diminuição do egoísmo, gerando maior saúde física e qualidade da vida. Ser grato significa conseguir repensar ações cometidas junto de terceiros, junto da vida em busca de maior conhecimento e consequentemente felicidade.

            Somente após este esquema realizado é que poderemos alcançar maior maturidade emocional e consequentemente psicológica, nos permitindo assim sentir paz e alegria, pois gratidão é também excelente ferramenta terapêutica.

            Provavelmente todos nós já tivemos que conviver com pessoas ingratas e infelizes, o que nos levaram a repensar em como estas pessoas aceitam tamanha inquietação e perturbação psicológica, desequilibrando até mesmo aqueles que os rodeiam, gerando conflitos repetitivos ao manter o costume de lançar a culpa nos demais.

            E então? Como ajudar alguém que notamos que se coloca nestas situações de falta de gratidão?

            Infelizmente este sentimento depende da busca interna de cada sujeito, assim como o desejo de transformação moral e intelectual deste indivíduo diante de situações. Algumas técnicas são utilizadas na psicoterapia no intuito de regular nossas formas de pensar, visualizar e agir diante da vida, facilitando o auto-encontro do ser. É possível superar traumas e muito das mágoas/rancor que tanto nos assombram, facilitando nossa capacidade de sentir gratidão.

            É possível deixar de viver esta miopia emocional que tanto impede de enxergar a harmonia existente na vida, gerando culpa contínua e mantendo necessidades autodestrutivas. O ingrato sofre de uma espécie de atraso emocional, que o mantém imerso em reclamações, agarrado em fugas da realidade e em grande sofrimento psíquico.

            Uma pesquisa realizada em 2014 (ISMA) demonstrou que 72% das pessoas estão insatisfeitas com o trabalho e geralmente a insatisfação com o trabalho é silenciosa  e esse problema pode ser potencializado, aumentando o número de erros do funcionário. Segundo a mesma pesquisa, a insatisfação de 63% dos casos está atrelada a problemas de relacionamento.

            A palavra “muito obrigada” tem ação mágica quanto utilizada, pois a gratidão é um sentimento que tem o poder de melhorar relacionamentos, nossa saúde e níveis de felicidade. O modo como tratamos as pessoas determina quem somos e nossa forma de pensar (crenças) nos definem, pois estas foram criadas com o passar de anos e experiências, podendo resultar em limitações ou edificações, a escolha é somente nossa!

            Gentileza gera gentileza e quanto mais você praticar, melhores serão seus relacionamentos, pois ser grato e gentil não é mostrar educação ou romantismo. Significa olhar para o outro com humildade e verdade, afinal a vida sem gratidão é estéril e vazia de significado existencial (Joanna de Ângelis).

 

Foto

Estela Cristina Parra

ver mais

mais de Estela Cristina Parra

Comentários:

1