Administração de Empresas de Alta Performance

A nova economia, caracterizada pela tecnologia e valorização de bens intangíveis, exige algumas técnicas de gestão estratégica e de comportamento mais dinâmicos por parte dos administradores e colaboradores.

 

 

A nova economia, caracterizada pela tecnologia e valorização de bens intangíveis, exige algumas técnicas de gestão estratégica e de comportamento mais dinâmicos por parte dos administradores e colaboradores.

Essas duas técnicas são premissas básicas para uma administração de alta performance. Vejamos.

Técnicas de Gestão Estatégica: A Roda da Estratégia – Essa técnica foi desenvolvida por Cynthia A. Montgomery, professora da Harvard Business School onde lecionou por vinte anos no curso de OPM (Owner/President Management). Essa técnica mostra, de forma clara, a importância de se definir a missão ou o propósito da empresa em primeiro lugar. A missão de uma empresa é a razão da sua existência.

Após definido o propósito/missão da empresa, é desenvolvido estratégias táticas e operacionais para que TODOS os departamentos atendam a esse propósito/missão. Vejamos a figura:

1-      Finanças   2- Produtos    3- Marketing  4- Vendas       5- Recursos Humanos          

6- Sistemas de informação  7- Operações             8 – Produção

Não importa a ordem de análise de cada departamento. O que importa é que a Roda da Estratégia sempre esteja girando, a empresa sempre revendo suas estratégias.

Fica claro que, se a empresa não sabe onde quer chegar, não existe nenhum caminho que leve-a para onde deseja. Portanto é imprescindível definir dois pontos:   A e B.       A = onde estou           B = onde quero chegar

A                     B

Se tivermos um desses dois pontos sem definição, não existe estratégia. Se estão definidos claramente, então desenvolve-se as estratégias para alcançar o ponto B.

 

Técnicas de Psicologia Comportamental: Desenvolvendo a Inteligência - foi desenvolvido um programa baseado nas técnicas criadas por Augusto Cury, autor da Inteligência Multifocal e criador da Academia da Inteligência. Trata-se de exercícios praticados pelos participantes no dia-a-dia que desenvolvem as funções mais importantes da inteligência humana. Nesse programa podem participar colaboradores de qualquer nível hierárquico da empresa. As funções da inteligência são universais, portanto, não depende de qualquer cultura do individual ou organizacional.

Esse programa é desenvolvido em vinte semanas com encontros semanais de duração de uma hora e meia a cada equipe de quinze pessoas. Os participantes adquirem técnicas para: aumentar sua capacidade intelectual, proteger sua emoção de estímulos estressantes, aumentar sua qualidade de vida além de promover bons relacionamentos interpessoais. E essas técnicas, os participantes poderão usar para o resto de suas vidas.

Essas duas técnicas apresentadas (de Gestão e de Comportamento) são ótimas se trabalhadas em conjunto, pois é impossível desenvolver uma boa estratégia sem desenvolver um programa de controle emocional. Não podemos mais desprezar a emoção nos negócios pois elas podem ajudar muito mas também pode por tudo a perder. A emoção é uma das coisas mais belas e ingênuas do ser humano. Vamos aprender a controlá-la para que não sejamos controlados por ela. E a decisão é de cada individuo se quer a emoção a seu favor ou contra.

MYP – Consultoria & Treinamento.

11 – 99555-6757        [email protected]

    

 

 

 

 

 

 

Foto

ver mais
Publicidade:

mais de

Comentários:

1